TV Centro Sul

Cogerh e Funceme apresentam projeto de segurança de barragens baseado em estudos geofísicos

Por Equipe Iguatu.net em 02/07/2020 às 23:50:02

Açude Trussu de Iguatu

A constante busca por ferramentas que aumentem a segurança das barragens monitoradas pela Cogerh foi um dos temas do 1° Ciclo de Palestras Online do Laboratório de Geofísica de Prospecção da Universidade Federal do Ceará. Na programação desta quarta (01.07) foram abordados os estudos geofísicos recentes desenvolvidos pela Funceme e Cogerh para identificação de anomalias em reservatórios do Estado. A palestra foi ministrada pelo professor Walber Cordeiro, da Funceme, e mediada pelo diretor de Operações da Cogerh, Bruno Rebouças.

Utilizando métodos geofísicos de baixo custo e não invasivos, as duas instituições vêm desenvolvendo ferramentas com base na geofísica e que visam aumentar a segurança das barragens monitoradas no Estado. Mais uma opção na gestão de segurança de reservatórios, como explica Bruno Rebouças, Diretor de Operações da Cogerh. "Temos ferramentas sólidas de monitoramento para segurança de barragens, inclusive com metodologias que inspiraram a Lei de Segurança de Barragens. Todavia, estamos sempre em busca de mecanismos que aumentem ainda mais a segurança dos nossos reservatórios", frisou.

Utilizando a geofísica aplicada às barragens de água, as ferramentas desenvolvidas pelas instituições contam com métodos eletromagnéticos e elétricos, aliados às condições geológicas locais para interpretação de possíveis anomalias nas barragens. Walber Cordeiro, da Funceme, explanou os detalhes dos métodos utilizados durante a apresentação online. Para Walber, o projeto "contribui para uma a construção de uma cultura inovadora na gestão sustentável do sistema de açudes do Ceará".

O açude Jaburu, em Ubajara, foi o reservatório teste para o projeto-piloto. Além dele, mais 4 açudes da Região Metropolitana de Fortaleza também passam por testes.

A palestra sobre os estudos a Geofísica Preditiva em Segurança de Barragens pode ser revista no canal do Youtube do Laboratório de Geofísica da Universidade Federal do Ceará, promotora do evento. Para ver clique aqui.

Zenir

Comentários

fic